Festival CAEL em Cena tem início neste final de semana na Sala Palma de Ouro

A Sala Palma de Ouro, no Centro de Educação e Cultura “Anselmo Duarte”, em Salto, receberá hoje e amanhã (dias 4 e 5 de novembro) o Festival CAEL em Cena, que levará ao palco seis espetáculos entre produções infantis, comédias, drama e aventura. Os ingressos custam R$ 40,00 (inteira); R$ 20,00 (meia); R$ 20,00 (promocional – todos pagam meia entrada).
O Festival reúne diversos gêneros através dos espetáculos “Ratimbum! Pararatimbum!”, “Chapeuzinho Vermelho” e “A Pílula Falante” (um trabalho realizado em parceria com a escola Le Perini, de Indaiatuba), “O Rei Leão”, “O Casamento do Pequeno Burguês” e “As Feras”, estrelados por seus alunos das turmas regulares.

Confira a programação:

Dia 04 de novembro (sábado)
14h30 – O espetáculo infantil “Ratimbum! Pararatimbum!” conta a história de um reino mágico, em que Julinho e Clarinha vão ajudar a Boneca de pano e o Soldadinho de chumbo a salvar o velho palhaço das garras da terrível Bruxa Papão, que já hipnotizou todas as crianças com seus programas infantis e agora está atrás da alegria do palhaço, para então poder dominar o mundo das crianças. Uma aventura em que Julinho e Clarinha vão conhecer, através da Boneca e do Soldadinho, antigas brincadeiras infantis, resgatando a alegria inocente de brincar. Classificação Livre. Duração 1h.
16h30 – O Rei Leão conta a história de Simba, um pequeno leãozinho que é filho do Rei Mufasa e da Rainha Sarabi. Ao crescer, é envolvido nas artimanhas de seu tio Scar, o invejoso e maquiavélico irmão de Mufasa, que planeja livrar-se do sobrinho e assumir o trono. Quando Simba se vê injustamente acusado pela morte de seu pai, ele foge para bem longe, onde encontra um javali chamado Pumba e um suricate chamado Timão, que passam a ser seus melhores amigos e lhe ensinam a filosofia do “Hakuna Matata” (sem preocupações). Anos depois, ele reencontra Nala, sua amiga de infância, que através do seu amor tenta convencê-lo a retomar seu lugar como rei. Classificação Livre. Duração 2h.
20h30 – A comédia “O Casamento do pequeno Burguês” retrata a festa de casamento de Maria e Jacob. Os dois burgueses recebem amigos e familiares para um pequeno jantar de comemoração para celebrar a união. Durante a festa, os noivos enfrentam inúmeras situações constrangedoras por causa do comportamento inadequado dos convidados. Durante o espetáculo, parte da mobília que constitui o cenário será quebrada pelos personagens ao longo da festa, além de danças e coreografias que resgatam a década de 80. Classificação Livre. Duração 1h30.

Dia 05 de novembro (domingo)
14h30 – Produção “Chapeuzinho Vermelho” e “A Pílula falante” – mesmo público. “Chapeuzinho Vermelho” fala da trajetória de uma criança por um caminho desconhecido. Lá, ela encontra o Lobo Mau e se torna necessário enfrentá-lo sozinha, vencendo, assim, o seu próprio medo. A nossa Chapeuzinho mostra o que é certo e o que é errado sem ensinar com uma lição de moral, mas brincando. Ela só pode perceber seus erros porque erra. É uma heroína imperfeita, pois é humana. E é assim que apostamos que nossas crianças vão aprender: brincando com a fantasia, as lições da realidade em que vivem. Classificação Livre. Duração 1h.

16h – O espetáculo “A Pílula falante” leva o espectador ao universo do Sítio do Pica-pau Amarelo e narra um dos momentos marcantes da história de Emília, em que a espevitada boneca de pano começa a falar. Em homenagem a Narizinho, um grande baile está acontecendo no Reino das Águas Claras. Buquês de raios de sol, pérolas soltas no chão, flores, rubis e esmeraldas enfeitam o salão. Os mais curiosos animais dançam a valsa, quando chega a notícia de que Emília foi encontrada desmaiada. O problema: a boneca, ainda só um brinquedo sem vida, precisa falar para contar o que aconteceu.
Uma missão para o renomado Doutor Caramujo, que pode curá-la com as suas pílulas falantes. Mas o que vai acontecer quando ele descobrir que as pílulas sumiram? Classificação Livre. Duração 1h.
19h30 – O espetáculo “As Feras” é uma tragédia em três atos que conta a história do casal de nordestinos Francisco e Maria José. Com a seca, Francisco pega um dinheiro emprestado e vai para o Rio de Janeiro tentar um emprego e uma casa, para, quem sabe, trazer a esposa e o filho para uma vida na cidade grande. O rapaz pede ao seu tio Tomé de Paula para cuidar da mulher e do menino. O tio, no entanto, ao levar comidas para a moça, lhe dá uma grande quantidade de bebidas e leva-a para cama. Francisco recebe a notícia e começa a oscilar entre o perdão e a vingança. Classificação 14 anos. Duração 1h30.

Serviço

Sala Palma de Ouro
Festival CAEL em Cena
Dias 04 e 05 de novembro, sábado e domingo
Endereço: Rua Prudente de Moraes, 580 – Salto – SP
Informações: (11) 4602-8693 –
http://www.bilheteriarapida.com

Valores
Inteira: R$ 40,00
Meia-Entrada: R$ 20,00
Promocional: R$ 20,00 (todos pagam meia-entrada)

Vendas:
Bilheteria do Teatro – (11) 4602-8693 – de terça a sexta, das 14h às 19h.
Sábados, domingos e feriados, 2h antes do início do evento (somente quando houver espetáculo).