Saúde é tema de debate na Câmara e Maria do Carmo desabafa

Sem problemas polêmicos na pauta de votação, a sessão legislativa ituana no último dia 5, foi marcada pelas declarações no Tema Livre sobre a saúde.
A ex-deputada e vereadora Maria do Carmo Piunti lamentou os problemas constantes averiguados por sua equipe na pasta, principalmente na Unidade de Pronta Atendimento – UPA e também questionou a abordagem sobre a pasta na audiência pública realizada na semana anterior, principalmente devido a economia de recursos.
As declarações da vereadora repercutiram no Legislativo. José Galvão e Givanildo Soares, líder do prefeito na Câmara, defenderam a Prefeitura e a gestão da Secretaria da Saúde. Galvão disse respeitar a posição de oposicionista da vereadora, porém entende que é necessário atender as demandas e trabalhar em prol da gestão da saúde.
Ainda na área da saúde, a vereadora apresentou um requerimento solicitando o contrato de prestação de serviço prestados na Unidade de Pronto Atendimento Nossa Senhora Aparecida, na região central. O requerimento foi aprovado mesmo com os votos contrários dos vereadores José Galvão, Luciano do Secom, Thiago Gonçales, Dito Roque e do líder Giva.