Autoridades participam de benção da Fazenda da Esperança

No último domingo, 13, autoridades e fiéis estiveram reunidos para recepcionar o Núncio Apostólico Dom Giovanni D’Aniello, considerado o embaixador do Papa no Brasil, que presidiu a cerimônia de benção da pedra fundamental de uma unidade da Fazenda da Esperança, que será construída em Itu para a recuperação de jovens do sexo masculino dependentes químicos. A iniciativa integra as comemorações do Jubileu de Ouro da Diocese de Jundiaí.
A cerimônia contou com a presença do prefeito Guilherme Gazzola, do vice-prefeito Caio Gaiane, da secretária municipal de Saúde, Janaina Guerino Camargo, do Bispo Diocesano Dom Vicente Costa, o promotor de Justiça Gustavo Gazzola, entre outras autoridades civis e eclesiásticas.
O prefeito Guilherme Gazzola afirmou que aquele era um momento que Itu se lembraria por muitos anos, destacou a importância da Fazenda da Esperança e classificou a iniciativa como uma obra de coragem, um gesto real de misericórdia para com os jovens que serão assistidos e seus familiares.
O terreno, localizado no Bairro Caiacatinga, onde a Fazenda da Esperança será construída, foi gentilmente cedido por uma família da região. A Fazenda da Esperança, ressaltou o Núncio, é a certeza de poder sair da dificuldade com a ajuda de Deus e das pessoas. Dom Vicente Costa explicou que a construção de uma unidade da Fazenda da Esperança em Itu atende ao pedido do Papa Francisco, feito no Ano da Misericórdia, de que em cada Diocese houvesse um monumento da misericórdia.
A construção dessa unidade deve contar com a colaboração das empresas locais e da região e também dos fiéis. Na sequência a essa solenidade, o Núncio celebrou uma missa na Igreja Nossa Senhora Candelária. Além do Bispo Diocesano e do Pároco da referida Igreja, Francisco Rossi, também estiveram presentes demais párocos das Paróquias da cidade, sacerdotes, diáconos, ministros da Eucaristia e seminaristas.