CIS suspende rodízio do abastecimento de água

Com o restabelecimento dos níveis dos mananciais que dependem da recarga da chuva, ação não é mais necessária. Contudo, fiscalização contra desperdícios continua em Itu.

A partir desta terça-feira, 1º de fevereiro, a CIS – Companhia Ituana de Saneamento anuncia que o rodízio no abastecimento de água na cidade está suspenso. Para tal medida, a autarquia informa que os bons níveis dos mananciais estão restabelecidos. Veja os números:

PIRAPITINGUI (ETAs Portal do Éden e Hospital):
• Bacia do Pirajibu (captação que não seca): 100%
• Bacia do São Miguel / Varejão: 100%
• Bacia do São Miguel: 90%

CENTRAL (ETAs Itaim e Rancho Grande):
• Bacia do Mombaça (captação que não seca): 100%
• Bacia do São José 100%
• Bacia do Taquaral / Pirapitingui: 80%
• Bacia do Itaim: 70%
• Bacia do Gomes: 30%
• Bacia do Braiaiá – represa em obras [operando com capacidade reduzida]

De acordo com Reginaldo Santos, superintendente da CIS, a bacia do Gomes ainda não atingiu totalidade de capacidade, pois foi feito o desassoreamento do manancial em 2018. “A capacidade de reservação de água bruta foi ampliada em mais de 30 milhões de litros. Também fizemos o desassoreamento do São Miguel em 2019 e o mesmo trabalho será feito na bacia do Braiaiá”, pontua Santos. “Após rompimento da represa do Braiaiá, fizemos rapidamente a contenção para poder operar esta captação de forma reduzida. Em nova etapa dos trabalhos, vamos fazer um novo barramento e ampliar a capacidade de reserva de água bruta no local”.

Apesar da suspensão do rodízio, a fiscalização quanto ao uso de água continuará – assim como a aplicação de multas, no valor de uma nova ligação de água. “Esta é uma forma de educar e coibir quem ainda desperdiça água. Faça o uso consciente e denuncie quem age de forma irresponsável”, pede o superintendente da CIS.

Potiguara – A região do Potiguara receberá um novo reservatório de água tratada, com capacidade para armazenar um milhão de litros. Ou seja, o dobro da capacidade de armazenamento do atual equipamento. A finalização dos trabalhos pode gerar desconforto no abastecimento de água. “Estamos terminando as interligações na rede de distribuição, para normalizar o abastecimento da região. Suporte com caminhões-pipa permanece, mesmo com liberação diária do abastecimento”, finaliza Santos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s