Mané da Saúde prega transparência e buscará aproximação com a comunidade

A eleição do novo presidente da Câmara, Manoel Monteiro Gomes, o popular Mané da Saúde, foi tranquila e sem muitos questionamentos ao menos publicamente, exceto pelos vereadores de oposição.
Segundo Mané não houve desgaste com os vereadores do grupo: “Existiam outros nomes como candidatos no grupo, porém quando me coloquei a disposição não houve rejeição e tive o apoio da maioria, inclusive formando comigo a chapa (referindo-se possivelmente ao vereador Givanildo Soares que aparecia como favorito nos bastidores para assumir a cadeira de presidente). Foi um processo de eleição bastante tranquilo”.
O novo presidente, que assume a partir do dia 1º de janeiro, afirmou ainda não ter medidas imediatas no primeiro momento: “Primeiro temos de respeitar o presidente José Galvão que continua no cargo até o próximo dia 31. Tem realizado um excelente trabalho à frente do Poder Legislativo, e portanto, precisamos aguardar para tomar qualquer posição. A partir do dia 1º vamos analisar qual será a situação que assumiremos o Legislativo, e creio que sem grandes problemas em virtude da boa administração do Galvão, para depois analisarmos as nossas principais ações como presidente”.
Questionado sobre a sua linha de condução do Poder Legislativo, Mané da Saúde apontou quais serão os pilares de sua administração: “transparência será a base da nossa gestão e também sermos ‘porta aberta’ à população. O trabalho realizado pelo Galvão foi positivo, porém entendo que precisamos estar ainda mais abertos e próximos da comunidade. A Câmara precisa ser mais popular e ter a presença constante das pessoas nas sessões”, explicou.

Mesa Diretora
A escolha dos membros da Mesa Diretora da Câmara para o próximo mesclou a experiência com a juventude. Presidente pela primeira vez da Câmara, Mané terá a companhia do novato Thiago Gonçales como vice-presidente: “É um jovem trabalhador e que tem um contato próximo com a comunidade. Tem boas ideias e precisamos de jovens com iniciativa”, disse Mané.
Já sobre os dois secretários, Dito Roque e Giva Soares, o novo presidente foi direto: “Sem comentários a experiência como vereadores e presidentes da Câmara. O Dito conseguiu a 10ª eleição e o Giva está na 4ª. Sabemos que não é fácil ser eleito e, portanto eles possuem experiência para colaborar na administração da Câmara”, completou.